sexta-feira, 26 de junho de 2009

Iº Curso Regional de Formação para Novas Lideranças Lésbicas

Com o objetivo de formar novas lideranças e informar sobre questões relativas  a comunidade de lésbicas da Baixada Santista e como uma das diversas atividades voltadas às comemorações do Dia 28 de Junho – Dia do Nacional do Orgulho LGBT,  será realizado, na cidade de Santos/SP, entre os dias 27 e 28 de junho de 2009 o Iº Curso Regional de Formação para Novas Lideranças Lésbicas – Bx. Santista.

Esta é uma iniciativa das LOBAS – Lésbicas Organizadas da Baixada Santista em parceria como Fórum Paulista LGBT, Secretaria Municipal de Saúde de Santos – SPREDIN  CTA - Prevenção com o financiamento do ELAS – Fundo de Investimento Social.

O curso foi desenhado para vinte participantes das seguintes cidades: Santos, São Vicente, Praia Grande, Guarujá e Bertioga, previsto inicialmente para dez  participantes, porém a adesão foi tão grande que o curso dobrou o número de vagas, que já se esgotaram.

O Curso traz como temas os seguintes Módulos: Gênero; Histórico dos Movimentos Sociais com ênfase no Movimento LGBT e Feminista; Panorama e desafios regionais; Políticas Públicas; Advocacy; Estrutura das entidades filantrópicas e Saúde Integral das Lésbicas, tudo isso com uma visão voltada para as mulheres lésbicas, bissexuais, transexuais da região.

Será a primeira vez que este evento ocorre na região, e pela adesão e falta de espaços similares e temas propostos, nota-se a carência para a população LGBT da Bx. Santista.

Segundo as organizadoras, foram inscritas mais de 60 mulheres, de outras cidades e estados, porém como as vagas eram limitadas, foram escolhidas as com perfil mais afim à finalidade do mesmo.

Como palestrantes o curso terá: Lula Ramires (mestre em Educação pela USP)  do Grupo CORSA de São Paulo, que explanara sobre Gênero; Julian Rodrigues, Coordenador do Grupo CORSA de São Paulo que explanará sobre Movimento LGBT – Brasil e Mundo,  Dimitri Sales – Coordenador da CADS Estadual que explanará sobre a CADS e lei estadual, Jane Pantel coordenadora das LOBAS – Lésbicas. Org. Bx. Santista que explanará sobre sexo mais seguro para lésbicas, e Miguel Angelo Versani, Chefe do Spredin que explanará Hepatites.

Mais informações:

Jane Pantel – (13) 3323.7812 / 9705.5389 /
lobas-les@hotmail.com

Ação Brotar para a Cidadania da Diversidade Sexual realizará a 3º Sessão Solene em Santo André

A Camara Municipal da Cidade de Santo André, ONG ABCD’S – Ação Brotar para a Cidadania da Diversidade Sexual em parceria com a Prefeitura de Santo André realizará no dia 30 de junho de 2009, a 3º Sessão Solene na Câmara Municipal da Cidade. O evento acontece desde 2007 e prestigia pessoas da comunidade LGBT que se destacam no combate a homofobia. Entre os já homenageados estão o apresentador Léo Áquilla e a professora transexual Paola Onassys.

[caption id="attachment_682" align="alignright" width="148" caption="Ação Brotar para a Cidadania da Diversidade Sexual"]Ação Brotar para a Cidadania da Diversidade Sexual[/caption]

Na sessão deste ano por suas ações contra a homofobia e a favor da aprovação do PLC 122, projeto que tramita no Senado que visa tornar crime o preconceito e a discriminação contra o comportamento homoafetivo, serão homenageados o coordenador do Programa Brasil Sem Homofobia do Governo Federal, Eduardo Santarelo; o coordenador  de  Políticas para a Diversidade Sexual do Estado de São Paulo, Dimitri Sales; o coordenador da CADS - Coordenadoria de Assuntos de Diversidade Sexual da Prefeitura Municipal de São Paulo, Franco Reinaudo; o coordenador de Políticas Afirmativas e Enfrentamento à Violência, do Departamento de Humanidades da Prefeitura de Santo André, Cássio Rodrigo e a homenagem póstuma ao antigo coordenador do programa Brasil Sem Homofobia, que faleceu em acidente automobilístico em abril deste ano, Paulo Biaggi.

O presidente da ABCD’S, Marcelo Gil destaca que os agraciados deste ano são gays e trabalham nas três esferas governamentais: municipal, estadual e federal. “Todos possuem um passado de militância na luta pela cidadania LGBT e são pessoas que se destacaram por suas atividades como empresários, advogados e educadores.”  A solenidade terá início as 19 horas.  Ao final acontecerão shows  com Drag Stephany Monphettiny,  Jana Falcão e a presença da Cantora Maria Cristina do programa Ídolos da TV Record que fará uma homenagem a Paulo Biaggi.

Local: Camara Municipal da Cidade de Santo André – Plenário Vereador João Raposo Resende Filho – Zinho
Endereço: Praça IV Centenário n° 2  - Centro – Santo André
Horário: A Partir das 19 hs – Entrada Franca

Jornalista Responsável: Angela Abreu – MTB nº 16.179

São Mateus, Parelheiros, Brasilândia, Lapa e Itaim Paulista ganham Diversidade nas Praças. Evento Pós-ParadaGay

Entre os meses de junho e setembro será realizada a "Diversidade nas Praças", uma atividade LGBT que tem como objetivo sensibilizar a população em todas as regiões da cidade e levar a discussão da diversidade, orientação sexual e identidade de gênero para espaços que carecem dessas informações. O evento será realizado pela Secretaria de Participação e Parceria através da Coordenadoria de Assuntos de Diversidade Sexual (Cads) e com o apoio das subprefeituras de cada região.

A "Diversidade nas Praças" contará com música, performances de artistas do circuito LGBT, informações sobre saúde e direitos.

O encontro contará com parcerias do Instituto Beleza & Cidadania de Ação e Fomento Social, que oferecerá corte e trançamento de cabelo a homens e mulheres, além de maquiagem. Além da Secretaria Municipal de Participação e Parcerias outras secretarias estarão no encontro, como a do Trabalho que cuidará da inclusão de trabalhadores e de currículos nos bancos de dados dos Centros de Apoio ao Trabalho, e a da Pessoa com Deficiência que disponibilizará informações para o acolhimento de deficientes à sociedade.

A ação acontecerá nos seguintes locais e datas:

São Mateus - praça Felisberto Fernandes da Silva
Data: 28.06.2009
Horário: das 14h às 20h

Parelheiros - rua Terezinha Prado de Oliveira (ao lado do CEU Parelheiros)
Data: 26.07.2009
Horário: das 14h às 20h

Brasilândia - Espaço Oswaldo Brandão
Data: 09.08.2009
Horário: das 14h às 20h

Itaim Paulista - praça Lions Club (em frente à Casa de Cultura Itaim Paulista)
Data: 23.08.2009
Horário: das 14h às 20h

Lapa - praça Miguel Dell'Erba
Data: 20.09.2009
Horário: das 14h às 20h

Informações Coordenadoria de Assuntos de Diversidade Sexual - Cads 11-3113.9749

quinta-feira, 25 de junho de 2009

IV Parada Gay. 28 de junho de 2009, tod@s a Guarulhos!

Dia 28 de Junho o MEL - Movimento em Defesa da Livre Orientação Sexual irá realizar na Cidade de Guarulhos a 4ª Edição da Parada Gay.

Com o tema 'Derrubando Muros, Construindo Pontes..., Quem Valoriza a Vida, Criminaliza a HOMOFOBIA', o evento contará com Trios Eletricos, Gogo Boys, Travestis, Drag Queen's e mais artistas conhecidos do grande publico, todos unidos pela garantia de direitos.

A Parada Gay Guarulhos terá concentração às 14h em frente ao Poupa tempo da Avenida Tancredo Neves.

[caption id="attachment_676" align="aligncenter" width="300" caption="Parada Gay Guarulhos"]Parada Gay Guarulhos[/caption]

Neste ano, a Parada guarulhense pretende dar destaque à luta pela aprovação do PL Minicipal 208/09, que institui o dia minicipal de combate à homofobia e também pela regulamentação da Lei Municiapal 5.860/02, que trata da punição de toda e qualquer forma de discriminação por orientação sexual e identidade de gênero.

Mais informações: (11) 2442-9119

quarta-feira, 24 de junho de 2009

10 Mandamentos de sobrevivência Gay

1.Não leve amantes para sua residencia.
2.Não mantenha relação afetivo-sexual com menores de 18 anos.

3.Procure frequentar Saunas, Cinemas, Boates que oferecem cabines e dark rooms para relacionamento sexual.
veado4.Não beba nada oferecido por amantes e estranhos. Não desgrude do seu copo ou lata de bebida.
5.Prefira morar em apartamentos e fazer amizades com os porteiros e vizinhos de andar.
6.Se você mora sozinho, declare sua orientação sexual para amigos, vizinhos e seguranças do prédio
7.Em caso de solidão saia de casa.Não dê carona para estranhos.Vá a uma boate, cine, bar, divirta-se.
8.Homossexualidade não é doença. Mas o medo de se relacionar com outros Gays é um problema que pode ser resolvido com psicológos.
9.Se sair com um Trabalhador do sexo, não esconda que é gay, isso evita chantagem, e nem fale de sua vida profissional e economica. Guarde os objetos de maior valor em local seguro ( celulares, relogio, som automotivo, colares, pulseiras, roupas, tenis e oculus de grife). Não saia com cartões de crédito ou cheques , leve o dinheiro contado e trocado.Cuidado com a chave de casa e do carro.Ande sempre com o tanque de combustível perto da reserva.
10.Qualquer violencia procure a delegacia de polícia. Caso não se sinta satisfeito com o andamento do inquérito denuncie no Ministério Público.

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Bomba na Parada Gay de São Paulo deixou 21 feridos

Uma bomba de fabricação caseira explodiu próximo do Largo do Arouche e deixou 21 pessoas feridas por causa dos estilhaços no Centro de São Paulo neste domingo, dia 14/06/2009.

Segundo o tenente da Polícia Militar Fábio Nóbrega, uma das vítimas diz que a bomba veio de um prédio mas que não sabem quem foi que a arremessou.

"A pessoa que arremessou não sabe quem estava ali, se era gay ou não. Somos todos pessoas, afirmou Márcio Lima Santos, operador de telemarketing ao portal G1.

Por outro lado, sabe-se que a região onde a bomba explodiu é frequentada por gays durante a semana e aos finais de semana. O que leva a crer que o crime foi intencional e movido por homofobia. Ódio aos gays. Por estas e outras que o projeto que criminaliza a homofobia deve ser aprovada no Brasil.

O ódio esta ai e MATA!

quarta-feira, 10 de junho de 2009

9ª Feira Cultural LGBT abre o feriado da Parada Gay em São Paulo

Amanhã, 11 de junho (feriado de Corpus Christi), das 10h às 22h, ocorre a 9ª Feira Cultural LGBT, no Vale do Anhangabaú. A atividade, que tradicionalmente antecede a Parada do Orgulho LGBT, tem o intuito de reunir de forma eclética as mais diversas manifestações culturais e apresenta muitas novidades para este ano, como o “1º FLASH – Festival da Diversidade na Música” e o “Palco Pocket”.

Depois de ter passado pela Praça da República, em 2008, onde recebeu aproximadamente 200 mil pessoas, a Feira Cultural LGBT retorna ao Vale do Anhangabaú. No comando de Daniel Peixoto, vocalista da banda Montage, pela primeira vez a atividade conta com dois palcos para apresentações artísticas. Das 12h às 19h, acontece o “1º FLASH – Festival da Diversidade na Música”. O festival reúne nove bandas e artistas – entre elas Tetine, Madame Mim, Stop Play Moon (SPMoon), Multiplex e Database – e  traz ao público novidades de diferentes universos musicais ou bandas já de destaque no underground nacional e internacional.

Também pela primeira vez na Feira acontece o “Palco Pocket”, que sob o comando da drag queen Sissi Girl será um espaço livre para manifestações artísticas. A partir das 16h, qualquer artista pode inscrever sua performance e se apresentar no local.

O Lounge, criado no ano passado, abriga nesta edição a videoinstalação “Armários”, do bureau audiovisual StudioIntro. Na área externa, embaixo do Viaduto do Chá, haverá exibições de curtas-metragens e documentários com temática LGBT.

Das 13h às 17h, o Grupo METAXIS, da USP (Universidade de São Paulo), apresenta o projeto “Homofobobia – Teatro do Oprimido Contra a Homofobia”, levando ao público a discussão sobre a aprovação do Projeto de Lei da Câmara (PLC) 122/06, que criminaliza a homofobia em âmbito nacional, através da arte popular e da estética teatral desenvolvida por Augusto Boal, nomeado pela Unesco como o Embaixador Mundial do Teatro e concorrente ao Prêmio Nobel da Paz. A intervenção também é homenagem ao teatrólogo brasileiro, que faleceu em 02 de maio deste ano.

O DJ Hombre, residente da Feira Cultural LGBT, revezará as pickups com os três DJs selecionados via inscrições online: Anderson Bressane, Pablo Ferna e Rodrigo Martini. A partir das 19h30, Silvetty Montilla apresenta a maratona de drag queens, mostrando a arte das maiores representantes da cultura LGBT.

Tendas e oficinas

Além das atrações artísticas, a 9ª Feira Cultural LGBT reúne ainda cerca de 120 tendas de comercialização – artigos de moda, acessórios, design, literatura, música e cinema – e informação, com 40 ONGs de variados segmentos que mostrarão seus trabalhos ao público. Haverá também mais de 20 opções de alimentação, numa praça montada estrategicamente.

Em parceria com o ONG carica Grupo Arco-Íris e com a CADS (Coordenadoria de Assuntos da Diversidade Sexual de São Paulo), diversos terminais conectados à Internet estarão disponíveis para participação do público na campanha digital “Não Homofobia!”, pela aprovação do PLC 122/06.

Oficinas gratuitas ocorrem em 4 tendas específicas, entre 13h e 18h. Serão ao todo 20, sobre sexualidade, saúde e direitos, com destaque para o psicodrama público que acontece às 15h na Tenda IV, em parceria com o Conselho Regional de Psicologia (CRP), e aborda o enfrentamento cotidiano da homofobia.

A 9ª Feira Cultural LGBT é mais uma atividade do 13º Mês do Orgulho LGBT de São Paulo, que traz o tema “Sem Homofobia, Mais Cidadania – Pela Isonomia dos Direitos!”. Em suas seis primeiras edições, foi realizada no Largo do Arouche, até que em 2006 atingiu a marca de 100 mil participantes. Em 2007, a Feira ocorreu no Vale do Anhangabaú pela primeira vez. Já 2008, o Vale foi cedido para a realização de um evento evangélico, por isso, a Feira Cultural LGBT aconteceu na Praça da República que, apesar do espaço menor, teve seu sucesso confirmado.

Para mais informações sobre o 13º Mês do Orgulho LGBT, acesse www.paradasp.org.br.

9ª Feira Cultural LGBT - Programação:

Apresentação (palco 1)
Daniel Peixoto

Lounge da Feira
Projeções, videoinstalações e video mapping "Armários", by StudioIntro
+ Projeções de curtas com temática LGBT, na área externa (embaixo Viaduto do Chá)

Intervenção “Homofobobia – Teatro do Oprimido Contra a Homofobia”
Homenagem a Augusto Boal
entre 13h e 17h, várias esquetes do Grupo METAXIS (USP)

Palco Pocket (palco 2)
das 16h30 às 19h, espaço livre para manifestações artísticas LGBT
com apresentação de Sissi Girl

Novos DJs Selecionados
em diferentes horários
Anderson Bressane, Pablo Ferna e Rodrigo Martini

Show de Drag Queens (palco 1)
a partir das 19h30
com apresentação de Silvetty Montilla

DJ Residente (palco 1)
DJ Hombre

1° FLASH – Festival da Diversidade na Música
das 12h às 19h
         Palco 1:
13h – Bandinha Di Dá Dó (clown music)
15h – Multiplex (electrorock / new rave)
16h – Madame MIM (eletropop / rock latino)
17h – Stop Play Moon (synthpop)
18h – Tetine (punk funk / electropop)
         Palco 2:
12h30 – Músicas intermináveis para Viagem (trip rock / instrumental)
13h30 – Reverse Tunes (breakcore / experimental)
14h30 – Jack&Fancy (rock)
15h30 – Database (house / electro)

Oficinas
Erotismo, Saúde e Direitos LGBT
Tenda I - Prevenção
13h e 16h - Sexualidade e Prazer Gay
14h e 17h - Erotismo e Cuidados de Si para Mulheres que Curtem Mulheres
Tenda II – Direitos
13h, 15h e 17h - Não se Cale! Dicas para Garantir seus Direitos
14h, 16h e 18h - União Homoafetiva
Tenda III – Questão de Gênero
13h e 16h - Homens Trans
14h e 17h - Mulheres Trans
15h e 18h - Travestis
Tenda IV – Psicologia e Questões LGBT
13h - Conversando Sobre os Direitos Sexuais e Reprodutivos: Contribuições da Psicologia
15h - Psicodrama Público: Enfrentamento Cotidiano da Homofobia

segunda-feira, 8 de junho de 2009

10/06 - Bate-papo com Fabrício Viana na Galeria Olido em São Paulo


Nesta quarta-feira (10/06) acontecerá um bate-papo com Fabrício Viana na Galeria Olido em São Paulo. O encontro, com entrada gratuita, começa as 18h no Ponto de Leitura e será norteado pelo tema da "Saida do Armário", foco também de seu livro O Armário (www.oarmario.com) lançado em 2006.



Viana é escritor, militante, bacharel em psicologia e idealizador de vários projetos na internet para a comunidade homossexual, entre eles o www.armariox.com.br



Participe e convide seus amigos. O evento terá mesmo a configuração de um "bate-papo" descontraído, onde todos poderão narrar suas experiências e trocar informações com o autor.



Após o evento exemplares do livro O Armário poderão ser adquiridos diretamente com Viana. Além de autógrafos.



Serviço:




Bate-Papo com Fabrício Viana
Data: 10/06 - Quarta-feira
Horário: das 18h às 19:30. Grátis
Local: Ponto de Leitura - Avenida São João, 473
Centro - São Paulo - Fone 11-3397-0171

Homocultura no Século 21: identidades e representação

São Paulo – Em paralelo à semana da parada do Orgulho GLBT, a Livraria Cultura preparou uma agenda de palestras, exibições audiovisuais e sessões de leituras que abordam a questão da diversidade sexual.

Dia 10 de junho, às 18horas, será realizado o evento Homocultura no Século 21: identidades e representação, apresentado pelo ator Lucas Sancho e com cenografia do artista plástico Vitor Mizael, que pendurará no Teatro Eva Herz camisas com braços alongados por cerca de seis metros, em menção à ideia do entrelaçamento entre iguais. Durante o evento, ele criará uma grande tela, inspirada nos temas debatidos ao longo da noite.

No dia 12 de junho, às 18 horas, será realizado um bate-papo com Gilles Wullus, diretor de redação da publicação gay francesa Têtu, a maior revista do mundo de língua não inglesa com tiragem de 120 mil exemplares. Na conversa, com mediação de André Fischer, Gilles vai falar sobre publicações gays segmentadas. O bate-papo será em inglês (sem tradução).

Confira a programação completa do Festival Homocultura no Século 21:

18 horas – Apresentação de vídeos
Exibição das animações A Descoberta de Luke, de Alan Nóbrega, mais votado pelo público da 16ª edição do Festival Mix Brasil, em Brasília (2008), e Homo Erectus, de Rodrigo Burdman, com texto de Marcelino Freire e narração de Paulo César Pereio, e do vídeo Antonio Marcos – Victória Principal, dirigido por Wilton Garcia.

18h30 - Debate: Identidade – Existe uma homocultura? Se não, o que estamos fazendo aqui?
Participam da mesa Vange Leonel, colunista da Revista da Folha; Wilton Garcia, videoartista; André Fischer, diretor do Festival Mix Brasil; Felipe Greco, ficcionista e editor; e Osvaldo Grabrieli, diretor teatral. Mediação de Ferdinando Martins, professor da ECA-USP.

19h30 – Música e leituras
Vange Leonel canta duas músicas junto com Elisa Gargiulo, vocalista da banda de riot girls Dominatrix, Horácio Costa lerá poesias homoeróticas e Lucas Sancho dará voz a trechos do livro Relicário, escrito por Felipe Greco e Deus Sabia de Tudo... do dramaturgo Newton Moreno.

20 horas - Debate: Representações da diversidade sexual na cultura: o que o século XXI já trouxe de novo?
Os convidados para o bate-papo são Marcelino Freire, escritor;; Elisa Gargiulo, cantora; Horácio Costa, poeta; Claudia Wonder, performer e escritora; e José Carlos Honório, escritor e colaborador da Livraria Cultura. Mediação de Ferdinando Martins.

21 horas – Performances e leituras de livros e peças
A última atração é voltada à leitura de trechos de peças. O ator Lucas Sancho faz leitura de Deus sabia de tudo e não fez nada, escrita por Newton Moreno, Vitor Mizael finaliza sua obra plástica, e Osvaldo Gabrieli e Beto Firmino (XPTO) apresentam trecho de O Público, em homenagem a Garcia Lorca.

Homocultura no Século 21: identidades e representação
Data: 10 de junho
Horário: a partir das 18h30
Telefone: (11) 3170-4033
Local: Teatro Eva Herz - Livraria Cultura Conjunto Nacional – Av. Paulista, 2073 – São Paulo/SP

Bate-papo com Gilles Wullus, diretor de redação da revista Têtu
Data: 12 de junho
Horário: a partir das 18h00
Telefone: (11) 3170-4033
Local: Livraria Cultura Conjunto Nacional – Av. Paulista, 2073 – São Paulo/SP