sexta-feira, 29 de maio de 2009

Sessão Solene em Homenagem ao Dia do Orgulho LGBTT

Sessão Solene em Homenagem ao Dia do Orgulho LGBTT acontece em 2 de Junho de 2009 na Câmara Municial de São Paulo e é iniciativa do Vereador Ítalo Cardoso do PT.

Dia 2 de junho às 19 horas - Plenário 1º de Maio da Câmara Municipal de São Paulo
Viaduto Jacareí 100 – 1º andar
Bela Vista – SP Capital

Iniciativa Vereador Ítalo Cardoso – PT

quinta-feira, 28 de maio de 2009

Revista Junior - Edição 11 - Carolina Ferraz faz laboratório com travestis para viver personagem trans

Carolina Ferraz, a convite da JUNIOR e Claudia Wonder, travesti famosa, passou uma tarde trocando experiências com um grupo de travestis e transexuais no Centro de Referência da Diversidade Sexual no Centro de São Paulo. Depois de uma série interminável de fotos, autógrafos e telefonemas das amigas querendo ouvir ao vivo a voz de Carolina, a conversa fluiu animada sobre os meandros da vida de transexuais, travestis e transgêneros.

[caption id="attachment_652" align="aligncenter" width="653" caption="Carolina Ferraz - Revista Junior"]Carolina Ferraz - Revista Junior[/caption]

A musa global, conhecida pela beleza natural e sofisticada, que tem vivido bem sucedidos papéis humorados nos últimos anos, está se preparando para um novo desafio em sua carreira. Carolina Ferraz vai encarnar uma travesti em filme que será rodado no Rio de janeiro no segundo semestre de 2009. Para isso Carolina está fazendo uma verdadeira inserção no universo trans,onde também é ícone.

Ela começou explicando um pouco sobre o filme, e depois, foram momentos divertidos e interessantes.

Carolina Ferraz– “Eu vou contar pra vocês um pouco da história para saberem do que se trata e verem o que tem a ver com o universo de vocês. O roteiro é do Micael XXX, um escritor jovem do Rio. Na verdade é uma história de reencontro familiar, muito sensível. Mas apesar de ser uma trama densa é pra cima, tem bons momentos de humor e acho que o público vai sair do cinema bem feliz. O título provisório do filme é Mosaico. Eu vou ser uma travesti, Suzy, que se chamava Marco Antônio até terminar a faculdade de Letras, tinha uma vida bem classe média em Copacabana. Depois saiu de casa, teve que se prostituir, juntou uma grana, montou seu negócio e hoje tem uma situação melhor. Ela tem mais ou menos a mesma idade que eu, uns 40 anos.”

Tudo registrado pela Junior, e estará na íntegra, na próxima edição. Revista Junior – edição 11 – nas bancas em 05/06/09

quarta-feira, 27 de maio de 2009

ENFRENTAMENTO AO NEONAZISMO NO PARANÁ - Organizações de direitos humanos pretendem criar Frente de Combate ao neonazismo.

Combatendo o Neonazismo. A Aliança Paranaense pela Cidadania LGBT, rede formada por seis organizações de defesa e promoção dos direitos humanos de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT), realizará nesta quinta-feira (28/05) as 18 horas reunião com lideres de Direitos Humanos e religiosos. A pauta da reunião é o enfretamento do neonazismo no Paraná e a criação em Curitiba de uma frente de combate desses grupos.

Nas últimas semanas a Secretaria de Estado da Segurança Pública do Paraná realizou operações policiais que resultaram na prisão de membros de grupos neonazistas que vem agindo com violência no estado. Mesmo com as prisões o movimento LGBT está preocupado com a forma organizada e bem estruturada que esses grupos atuam.

Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e transexuais estão entre os principais alvos dos seguidores de Hitler, em reportagem a revista Istoé revelou a preocupação das autoridades policiais. Segundo a revista a policia descobriu que eles estariam planejando um ataque com bombas a sinagogas em quatro Estados e que as paradas LGBT (Parada Gay) também seriam alvos de atentados.

A Aliança Paranaense Pela Cidadania LGBT convida pessoas e instituições dos diversos segmentos de direitos humanos e religiosos a participarem da reunião que será realizada na Avenida Marechal Floriano Peixoto, n° 366 sala 46 – Centro – em frente a Praça Carlos Gomes.

Informações podem ser obtidas pelo fone (41) 3222 3999 ramal 23 com Márcio Marins.

ONGS QUE COMPÕEM A ALIANÇA PARANAENSE PELA CIDADANIA LGBT
APPAD – Associação Paranaense da Parada da Diversidade
Artemis – Associação Paranaense de Lésbicas
CEPAC – Centro Paranaense de Cidadania
Dom da Terra -  Afro LGBT
Grupo Dignidade – Pela Cidadania de Lésbicas, Gays e Trans
Transgrupo Marcela Prado – Associação de Travestis e Transexuais de Curitiba

terça-feira, 19 de maio de 2009

Associação da Parada do Orgulho GLBT de São Paulo divulga Ciclo de Debates do 13º Mês do Orgulho LGBT de SP

A APOGLBT (Associação da Parada do Orgulho GLBT de São Paulo) divulga a programação do Ciclo de Debates do 13º Mês do Orgulho LGBT de São Paulo. Entre os dias 03 e 19 de junho, o público poderá participar dos tradicionais debates, além de seminários, oficinas fóruns e um cineclube, gratuitamente. A 7ª edição do Ciclo, cujo tema é “Construindo Políticas para LGBT”, é a maior já realizada em número de eventos e contará com palestrantes de renome, como Marta Suplicy e o Ministro Paulo Vannuchi.

O objetivo do Ciclo de Debates é aprofundar a reflexão acerca do tema proposto para a 13ª Parada do Orgulho LGBT de São Paulo (“Sem Homofobia, Mais Cidadania – Pela Isonomia dos direitos!”), apontando caminhos para o movimento social e para todos(as) aqueles(as) que agem em prol da igualdade e da plena cidadania, propiciando o diálogo entre expoentes dos mais diversos campos do conhecimento relevantes para a população de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais.



Os principais assuntos abordados são os direitos dos LGBT nas esferas estadual, federal e internacional, o sistema judicial, a situação dos LGBT na periferia, a família, a religião e o mercado de trabalho.



Para desenvolver as discussões, alguns nomes de destaque são os de Marta Suplicy e Paulo Vannuchi, da política; Roger Raupp Rios e Maria Berenice Dias, da justiça; Graciela Haydée Barbero e Elizabeth Zambrano, da psicologia; Maria Lúcia Martinelli, da assistência social; Berenice Bento e Regina Facchini, das ciências sociais; entre diversos outros nomes de peso da militância.



Para a realização dos debates, a APOGLBT (Associação da Parada do Orgulho GLBT de São Paulo) conta com as parcerias da Coordenação de Políticas para a Diversidade Sexual (Secretaria da Justiça e Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo), do Conselho Regional de Serviço Social (CRESS-SP), do Conselho Regional de Psicologia (CRP-SP), do Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) Santo Amaro, do Grupo Encontro Liberdade Expressão Sexo Seguro (ELES), do Ministério Público Federal (MPF), da Txai Consultoria, da entidade ecumênica KOINONIA, da Associação Brasileira de Turismo Para Gays, Lésbicas e Simpatizantes (Abrat GLS) e da revista e site A Capa.


Todos os eventos do 7º Ciclo de Debates são gratuitos, abertos ao público em geral e acontecem em diversos locais de fácil acesso, todos próximos a estações do metrô.


O 7º Ciclo de Debates é mais uma atividade confirmada para o calendário oficial do 13º Mês do Orgulho LGBT de São Paulo. Haverá ainda a 9ª Feira Cultural LGBT (11 de junho, no Vale do Anhangabaú), o 9º Gay Day (13 de junho, no Playcenter) e a 13ª Parada do Orgulho (14 de junho, na Avenida Paulista). O 9º Prêmio Cidadania em Respeito à Diversidade está em fase final de negociações para a definição do local, data e horário da cerimônia.


Confira abaixo o resumo da programação do 7º Ciclo de Debates “Construindo Políticas para LGBT”. Para mais detalhes sobre cada evento, acesse www.paradasp.org.br.





  • 03 de junho (quarta-feira), às 19h


Abertura Oficial do 7º Ciclo de Debates


Debate “Construindo o sistema paulista de proteção aos direitos da população LGBT: desafios e


perspectivas”


Local: Secretaria da Justiça e Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo (Páteo do Colégio, nº 184 – metrô Sé)





  • 04 de junho (quinta-feira), das 8h30 às 17h30


Seminário “Intervenção profissional do assistente social e conquistas de direitos LGBT”


Local: Sindicato dos Químicos (Rua Tamandaré, nº 348 - metrô São Joaquim)





  • 06 de junho (sábado), das 13h30 às 20h30


Seminário “Sexualidade e gênero: diálogo entre a psicologia e a realidade LGBT nos 10 anos da Resolução CFP 01/99”


Local: Conselho Regional de Psicologia (Rua Arruda Alvim, nº 89 - metrô Clínicas)





  • 08 de junho (segunda-feira), às 18h30


Debate “Lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais na periferia: na luta pela cidadania plena”


Local: Centro de Cidadania da Mulher de Santo Amaro (Rua Mário Lopes Leão, nº 240 - em frente à Praça Floriano Peixoto, metrô Largo Treze)





  • 09 de junho (terça-feira), das 9h30 às 17h30


Oficina “Direito à não discriminação e acesso à justiça”


Local: Auditório da Procuradoria Regional da República da Terceira Região (Av. Brigadeiro Luiz Antônio, nº 2020 - metrô Brigadeiro)





  • 10 de junho (quarta-feira), às 19h


Debate "Os direitos de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais e os três poderes"



Local: Salão Nobre da Câmara Municipal (Viaduto Jacareí, nº 100, 8º andar - metrô Anhangabaú)





  • 12 de junho (sexta-feira), às 10h e às 19h


Workshop “O Produto GLS: especificidades e cuidados que a empresa deve ter na formatação e comercialização de um produto ou serviço GLS”


Fórum “Uma nova postura: quais as estratégias de marketing e como os destinos turísticos estão se preparando para captar o turista GLS”


Mesa de Imprensa


Roda de conversa “Lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais nas empresas: reconhecimento, valorização e desafios”



Local: Hotel Panamericano (Rua Augusta, nº 778 - metrô Consolação)





  • 15 de junho (segunda-feira), às 19h


Cineclube “Liberdade de gênero”


Exibição do filme “XXY” (Lucía Puenzo, Argentina, 2007), seguida de debate


Local: Conselho Regional de Psicologia (Rua Arruda Alvim, nº 89 - metrô Clínicas)





  • 17 de junho (quarta-feira), às 19h


Debate “Os sistemas internacionais de proteção aos direitos humanos em defesa dos cidadãos LGBT”


Local: Secretaria da Justiça e Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo (Páteo do Colégio, nº 184 – metrô Sé)





  • 18 de junho (quinta-feira), às 19h


Debate “As religiões na luta contra a homofobia: perspectivas de mobilização”


Local: Secretaria da Justiça e Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo (Páteo do Colégio, nº 184 – metrô Sé)





  • 19 de junho (sexta-feira), às 19h


Debate “As vivências familiares de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais: famílias de origem e novos lares


Local: Secretaria da Justiça e Defesa da Cidadania do Estado de São Paulo (Páteo do Colégio, nº 184 – metrô Sé)


sábado, 16 de maio de 2009

Livro: Na trilha do arco-íris – Do movimento homossexual ao LGBT

Como os autores Júlio Assis Simões e Regina Facchini descrevem no livro Na trilha do arco-íris – Do movimento homossexual ao LGBT; publicado pela Editora Fundação Perseu Abramo; dos anos 70 até hoje os homossexuais do Brasil e do mundo percorreram um caminho árduo.




[caption id="attachment_639" align="aligncenter" width="200" caption="Livro: Na Trilha do Arco-Íris"]Livro: Na Trilha do Arco-Íris[/caption]

Instituições imaculadas, como família, escola, igreja e mídia se veem ameaçadas e os consideram como doentes - apesar da OMS ter retirado a homossexualidade da lista da doenças em 17 de maio de 1990, data que ficou determinada como o Dia Internacional de Luta contra a Homofobia, celebrado em várias partes do mundo. Traz um levantamento sobre as primeiras manifestações, hoje conhecidas como Parada do Orgulho LGBT, que levam a cada ano milhares de ativistas e simpatizantes às ruas, num colorido que mobiliza opiniões e atitudes. Repleto de curiosidades históricas, científicas e filosóficas, o livro faz um panorama do ativismo americano e europeu, mas se aprofunda no movimento LGBT brasileiro com propriedade. Cita a importância de grupos organizados como o Somos e o jornal Lampião, os anos 70 e 80, a mobilização do tribunal brasileiro – inclusive cita casos concretos, como o de Cássia Eller e sua companheira –, analisa o impacto da AIDS na história do movimento e, sobretudo, imerge na importância da homossexualidade no debate público.

Sinopse

Em Na trilha do arco-íris – Do movimento homossexual ao LGBT, os autores registram os principais fatos históricos que desencadearam na formação da organização LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais) no Brasil. Além de curiosidades e casos verídicos sobre as vitórias e desafios da comunidade homossexual no país, o livro foca na importância desse movimento na construção de um programa de combate ao preconceito e garantia dos direitos civis básicos.

Sobre os autores

Júlio Assis Simões – Professor do departamento de Antropologia da Universidade de São Paulo (USP) e pesquisador-colaborador do Núcleo de Estudos de Gênero (Pagu), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Publicou O dilema da participação popular e trabalhos sobre movimentos sociais (São Paulo: Marco Zero, 1992), participação política, uso de psicoativos, história da ciências social, aposentadoria envelhecimento e sexualidade.

Regina Facchini – Pesquisadora-colaboradora do Núcleo de Estudos de Gênero (Pagu), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Publicou Sopa de letrinhas? Movimento homossexual e produção de identidades coletivas nos anos 90 (Rio de Janeiro: Garamond, 2005) e trabalhos sobre movimentos sociais, participação política, saúde sexual e reprodutiva, discriminação e violência, gênero e sexualidade.

Título: Na trilha do arco-íris | Do movimento homossexual ao LGBT
Editora Fundação Perseu Abramo
Autores: Júlio Assis Simões e Regina Facchini
ISBN: 978-85-7643-051-3
Valor: R$ 38,00
Número de páginas: 194pp

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Clovis Casemiro, gerente da TAM Viagens, é eleito Embaixador do Ano pela Associação Internacional de Turismo GLS

O gerente de vendas da TAM Viagens, Clovis Casemiro, recebeu na última semana o "Ambassador of the Year Award", da IGLTA (International Gay & Lesbian Travel Association).

[caption id="attachment_634" align="aligncenter" width="395" caption="Clovis Casemiro"]Clovis Casemiro[/caption]

A premiação, que acontece pela primeira vez, ocorreu durante a festa de encerramento da convenção anual realizada pela associação, na cidade de Toronto, no Canadá. A próxima está marcada para junho do ano que vem, na Antuérpia (Bélgica).

Embaixador da IGLTA no Brasil, Casemiro faz parte da equipe da TAM Viagens há dois anos e gerencia o segmento de pacotes de turismo GLS (Gays, Lésbicas e Simpatizantes) da operadora, denominado "Turismo da Diversidade". "Tive a honra em poder representar a TAM Viagens e o Brasil neste evento. O título de embaixador do ano é um reconhecimento a todo o trabalho que realizamos para este público", disse.

O gerente foi escolhido entre 19 embaixadores, distribuídos por todo o mundo, pela sua atuação para a divulgação da IGLTA. Ele destaca seu trabalho para a realização em Florianópolis (SC), no mês de março, do Encontro Internacional de Turismo GLS no Brasil, do qual a TAM Viagens foi patrocinadora oficial.

A TAM Viagens oferece mais de 600 destinos e consolidou-se no mercado como uma das maiores operadoras de turismo do Brasil. Fundada em 1998, atende a 5 mil agências em todo o país. Promotora do desenvolvimento do turismo, tem voltado suas ações para a capacitação dos agentes e busca divulgar destinos com comprometimento social.

quinta-feira, 14 de maio de 2009

17/Maio. Protesto contra a homofobia. Dia Nacional de Combate a Homofobia.

NO dia 17 de Maio terá em São Paulo um protesto contra a homofobia, em comemoração ao Dia Nacional de Combate a Homofobia, para participar, preste atenção as datas e aos endereços:

CONFECÇÃO DE CARTAZES E FAIXAS
Sexta-feira, 15 de maio, às 16h
Centro de Referência da Diversidade
Rua Major Sertório, 292/294 - Centro

MANIFESTO DIA NACIONAL DE COMBATE A HOMOFOBIA (LGBTFOBIA).
Segunda-feira, 18 de maio, às 14h30
Centro de Referência da Diversidade
Rua Major Sertório, 292/294 - Centro

Esta Ação conta com a parceria da Associação da Parada do Orgulho GLBT de São Paulo e do Grupo Terças Trans. Mais informações com Ale Saraiva - colunatranse@yahoo.com.br

O Fantasma Masculino - Palestra e debate com João Silvério Trevisan Café Filosófico

O Fantasma Masculino - Palestra e debate com João Silvério Trevisan Café Filosófico. Neste Café Filosófico o escritor João Silvério Trevisan fala sobre o enigma do desejo. As grandes mudanças históricas estão levando o masculino a uma crise identitária e o homem se encontra diante de seus fantasmas.

[caption id="attachment_627" align="aligncenter" width="225" caption="Joao Silverio Trevisan"]Joao Silverio Trevisan[/caption]



Em que termos o masculino poderá conciliar o ódio e a atração que sente por si mesmo? Que mudanças profundas serão necessárias para que o fantasma se torne apenas uma alternativa viável? A violência é uma resposta ao medo? Por que o diferente perturba tanto? Quem o agressor pretende punir, afinal?

O Café Filosófico vai ao ar na TV Cultura às 23h e é reprisado na madrugada de segunda-feira às 3h40.

Data: domingo, 17/05/2009
Hora: 23:00

sábado, 9 de maio de 2009

PROGRAMA ESCÂNDALO produzido por Ricardo Gomes completa 3 ANOS! 17 DE MAIO DIA INTERNACIONAL DE COMBATE À HOMOFOBIA

O Ricardo Gomes (meu vizinho e amigo) faz o Programa Escândalo a três anos e foca principalmente a Militância. Fico feliz pois, pelo que tudo indica, ele ganhou o Prêmio "Cidadania em Respeito a Diversidade" da APOGLBT neste ano. Quando eu vejo seu trabalho e sua garra em manter as bills todas informadas (a troco de nada, pois quem tem veiculo pequeno realmente não tem grandes apoiadores/investidores) me lembro do meu trabalho na TVTudo, Campanha GLBT e Armário X. Show de bola. São pessoas como o Ricardo que doam um pouco de si pros outros. Eu já cansei (hoje esta no ar só o Armário X), mas é sempre bom ver coisas novas surgindo e sendo matindas com carinho e dedicação. Parabéns Ricardo. Dia 17 estaremos lá, eu e meus dois namorados! :-)



============ release sobre a festa ============

Convite pode ser visto AQUI

O Dia Internacional contra a Homofobia visa recordar o marco histórico onde a Homossexualidade foi retirada da classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde (CID) da Organização Mundial de Saúde (OMS) em 17 de maio de 1990, oficialmente declarado em 1992.

Para comemorar essa data tão especial o Programa Escândalo, que tem como base o “Ativismo e Entretenimento” voltado a comunidade LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transgêneros), comemora seus 3 anos consecutivos no Ar. Este ano o Escândalo reforça o tema da HOMOFOBIA, uma vez que o número de assassinatos de homossexuais aumentou 55% em 2008, no Brasil, em relação ao ano anterior, como revela a pesquisa anual sobre crimes com motivação homofóbica feita pelo GGB – Grupo Gay da Bahia.

Vale lembrar que em nosso país foi criado o Projeto de Lei da Câmara 122/06 que torna crime a homofobia, porém ainda está dependendo de votação no Senado para ser implantado oficialmente. Com o objetivo de pressionar e acelerar esse processo de votação, o Grupo Arco-Íris (http://www.arco-iris.org.br que promove a Parada do Orgulho LGBT do Rio de Janeiro) convoca a população para votar pela criminalização da homofobia pela internet através da Campanha – NÃO HOMOFOBIA! (http://www.naohomofobia.com.br). A meta é arrecadar até outubro de 2009, 1 milhão de assinaturas através do site em favor do Projeto. Na página, além de participar do abaixo-assinado online, o usuário encontra mais informações sobre o PLC 122/06.

O programa Escândalo não poderia ficar de fora e também apóia e abraça essa campanha. Disponibilizaremos terminais com internet na Tunnel para que os participantes da festa votem online na campanha NÃO HOMOFOBIA!

O Escândalo ainda convida o GPH – Associação de Pais de Homossexuais que levarão a Tunnel o projeto Purpurina, onde promovem encontros mensais entre os jovens e tem apoio da Secretaria Estadual da Saúde, Secretaria Municipal da Saúde e CRD. Os jovens se socializam, se sensibilizam com as histórias e dificuldades uns dos outros e se divertem muito, pois tudo termina numa balada, depois da conscientização é claro!

Para finalizar, o programa encerrará as comemorações de seus 3 anos com chave de ouro já que a Unidade de Pesquisa de Vacinas Anti-HIV e o Centro de Referência e Treinamento DST/Aids de São Paulo, estarão presentes nessa edição, falando do dia Mundial da conscientização por uma vacina Anti-HIV, (18 de maio), o que ainda é a melhor solução para o combate eficaz à epidemia Mundial do HIV.

Haverá ainda a distribuição de boletins / folhetos informativos, preservativos, orientação sobre DST/Aids, e prevenção.

Com uma linguagem simples e objetiva o Escândalo oferece aos ouvintes ativismo, músicas, enquetes, entrevistas, notícias, informações das Paradas Gays no Brasil e no Exterior, Cultura LGBT, Saúde e muito humor, e vai ao ar todos os Sábados AO VIVO das 18:00 as 21:00 horas na Circuito Mix A Rádio do seu jeito!

http://circuitomix.com.br

•SOBRE A TUNNEL.
Com 16 anos de existência, a boate Tunnel conquistou, definitivamente, seu espaço na noite GLS de São Paulo, sendo uma das mais antigas e tradicionais em plena atividade. Sua localização privilegiada no Morro dos Ingleses e suas amplas instalações com vários ambientes atraem cada vez mais um público interessado em soltar o corpo, ver e ser visto. Recentemente, a casa noturna investiu em reformas e informatização, pois praticidade, segurança e diversão fazem seu grande diferencial.


SERVIÇO: PROGRAMA ESCÂNDALO 3 ANOS!
QUANDO: 17 MAIO – DIA INTERNACIONAL DE COMBATE À HOMOFOBIA!
HORÁRIO: A partir das 19:00 H.
ONDE: Rua dos Ingleses, 355 – Bela Vista – São Paulo.
CONTATO: (11) 3285-0246.
SITE:
http://tunnel.com.br .

APOIO: TUNNEL | GRUPO ARCO-ÍRIS | GUIA LGBTS | RÁDIO CIRCUITO MIX | ACESSÓRIOS ARCO-ÍRIS | CRT-DST-AIDS | RADAR MIX | O ARMÁRIO | PORTAL BUXIXO | TARGET | INTERNET PAULISTA |

sábado, 2 de maio de 2009

Mercado GLS - Empresários do segmento LGBT realizam novo encontro em São Paulo

Mercado GLS. Na terça-feira 5 de maio, os empresários do segmento LGBT da cidade de São Paulo realizam nova reunião para debater o estatuto social de uma entidade própria que irá reuni-los. O evento ocorre às 20h no Clube Sogo e também terá como ponto de pauta as formas de participação na 13° Parada do Orgulho LGBT local, que serão apresentadas pelo presidente da Associação da Parada do Orgulho GLBT de SP.

[caption id="attachment_619" align="aligncenter" width="604" caption="Mercado GLS"]Mercado GLS[/caption]

A fundação de uma associação de empresários do segmento LGBT da cidade de São Paulo é uma iniciativa da organização não-governamental Casarão Brasil, que, de acordo com seu presidente, o empresário e jornalista Douglas Drumond, tem como um dos seus principais objetivos apoiar a criação e o fortalecimento de associações de defesa da causa arco-íris. "A organização da comunidade LGBT dentro de toda sua diversidade é algo pelo qual trabalhamos a cada dia. Acreditamos que só com esse protagonismo conseguiremos alcançar nossa cidadania plena. É por isso que o Casarão Brasil dá suporte a propostas nesse sentido", explica.

A iniciativa tem apoio da Coordenadoria de Assuntos de Diversidade Sexual (Cads), órgão da prefeitura local, da empresa de consultoria Txai e do Clube Sogo. A criação da entidade também recebe incentivo vindo de fora do país. A marca australiana de underwear e beachwear Aussiebum, que tem forte identidade com o público gay, faz parte da lista de apoios à futura organização.

SERVIÇO: A reunião é aberta para a imprensa LGBT, confirmar presença através: contato@casaraobrasil.com.br

Dúvidas, agendamentos de entrevistas com Douglas Drumond ou mais informações com  Welton Trindade - Assessor de comunicação. Telefone: 11 7460-8154.